Financiamento da Folha de Pagamento

Pontos importantes e observações

Com o pronunciamento do Ministério da Economia através do Presidente do Banco Central, realizado na sexta-feira, 27 de Março de 2020, nossa equipe de especialistas, desenvolveu este estudo, destacando os pontos relevantes e dúvidas estabelecidas e elaborou este livro para servir de apoio e entendimento aos nossos clientes, e aos empresários em geral, tendo em vista conter até o momento, importante apoio para a atual fase de recomendação de isolamento, onde destacamos esta linha de crédito ser essencial, para suporte as pequenas e médias empresas brasileiras e suas equipes de trabalho.

QUEM TEM DIREITO? POSSO PAGAR VÁRIOS CONTAS?

  • Empresas com faturamento entre R$ 360 mil e R$ 10 milhões por ano. Ou seja, se sua empresa fatura a partir de R$ 30.000 por mês poderá aderir a essa linha de crédito.
  • A nova linha de financiamento só pode ser usada para bancar exclusivamente a folha de pagamento das empresas.

CONDIÇÕES DO FINANCIAMENTO JUROS, CARÊNCIA E CONTRAPARTIDA

  • Juros de 3,75% ao ano. Os juros estão no mesmo patamar da taxa selic. Destaque sem o spread bancário, a taxa esta em 0,3% ao mês.
  • Esta previsto 6 meses de carência e 36 meses para pagar o financiamento.
  • As empresas que aderirem a essa linha de crédito não poderão demitir funcionários pelo período de dois meses.

COBERTURA: O QUE ESTÁ LINHA DE CRÉDITO COBRE? EXISTE LIMITE DE SALÁRIO PARA OS TRABALHADORES?

  • Esta linha de crédito cobre 2 meses da folha de pagamento neste período de calamidade pública.
  • O benefício fica limitado a até dois salários mínimos, ou seja, R$ 2.090. Dessa forma, o trabalhador que recebe até esse valor terá seu salário coberto por esse financiamento.
  • Os trabalhadores com salário acima de R$2.090,00, receberão até esse limite, sendo o saldo restante a ser pago pela empresa.

Como será esse processo?

DE ONDE VEM OS RECURSOS?

CONSIDERAÇÕES:

PLANEJAR E VERIFICAR FLUXO DE CAIXA

É preciso ter cuidados com empréstimos. Devido as crises anteriores estamos numa lenta recuperação da economia brasileira, muitas empresas estão trabalhando praticamente sem margem de emergência, e antes de pegar um empréstimo é preciso planejar, verificar o fluxo de caixa, ter ciência dos compromissos e para isso conte conosco, temos condições de verificar com você a posição e planejamento do fluxo de caixa do seu negócio.